Gelar o vinho: entenda como servir vinho gelado para convidados

marielly Colombo
marielly Colombo marielly Colombo
2 Min Read

Mas como encontrar o equilíbrio perfeito? Pensando na relevância desse tema, vamos destacar sobre as principais práticas que o ajudarão a resfriar a bebida da melhor forma possível.

Pode colocar gelo na taça de vinho?
Trata-se de uma das dúvidas mais comuns por parte dos apreciadores da bebida. Felizmente, pode-se colocar gelo na taça de vinho, deixando o vinho mais gelado, sendo uma ótima ideia principalmente nas estações mais quentes do ano. Dessa maneira, podemos colocar uma pedrinha de gelo no vinho no momento de servir a bebida para os convidados.

Como gelar vinho tinto?
Além de colocar uma pedrinha de gelo na taça de vinho, há outras alternativas que podem ajudar a gelar o vinho tinto. Entre as principais alternativas estão:

utilizar balde com água e gelo;
gelar o rótulo no congelador;
resfriar a bebida na geladeira;
colocar papel toalha molhado na garrafa de vinho.
Qual a importância de gelar o vinho?
Em países tropicais como o Brasil, o resfriamento da bebida é fundamental para proporcionar uma melhor experiência da degustação.

Nesse contexto, é importante gelar a bebida no ponto ideal para evitar que fique muito aquecida ou que ela congele. Espumantes, vinhos doces, brancos e rosês são mais bem apreciados quando são servidos entre 3 a 7°C, variando conforme cada rótulo.

Por outro lado, os vinhos tintos podem ser servidos em temperaturas que oscilam entre 14 e 18°C, variando conforme cada exemplar escolhido.

Vinho pode ir ao freezer?
A bebida pode ir ao freezer, só devemos ter um pouco de atenção. Essa prática é bastante útil em situações em que precisamos que o vinho alcance a temperatura ideal de forma mais rápida possível. No entanto, é importante monitorar o processo e contar com um termômetro de vinhos para evitar o congelamento da bebida.

Compartilhe esse Artigo
Deixe um Comentário